29 de novembro de 2022

Caged: Sergipe abre 995 empregos formais em outubro


📍 Dados do Caged, do Ministério da Economia, revelam que Sergipe encerrou o mês de outubro com a abertura de 995 empregos com carteira assinada. No acumulado do ano (com ajuste), foram geradas 11.524 vagas. Já os últimos 12 meses (com ajuste) acumulam 12.712 postos gerados. O estoque de empregos no mês ficou em 295.170 postos. Os dados foram analisados e divulgados hoje (dia 29) pelo Observatório de Sergipe/ Superplan.

🎋 🏭 Cultivo de cana-de-açúcar e fabricação de açúcar somam 488 vagas geradas e puxam saldo de emprego

🔖 Dos cinco setores observados, apenas o de Serviços (-1 vaga) registrou saldo negativo. A Agropecuária liderou a geração de empregos, com 378 vagas. Na sequência, vem Comércio (327), Indústria (204) e Construção (87).

🔖 Os desempenhos da Agropecuária e Indústria foram impulsionados pela safra da cana-de-açúcar. Na Agropecuária, o cultivo de cana-de-açúcar criou 294 vagas. Na Indústria, a fabricação de Açúcar gerou 194 vagas.

🔖 No setor de Comércio, o destaque foi o comércio varejista (267), mais especificamente em ‘Mercadorias em Geral, com Predominância de Produtos Alimentícios – Hipermercados e Supermercados’ (92) e ‘Artigos do vestuário e acessórios’ (67). Já na Construção, o resultado foi impulsionado pelas obras de acabamento (62).

👍 Municípios que mais geraram emprego no mês: Capela (402), Laranjeiras (249) e Estância (81).

👎 Municípios que mais perderam emprego: Nossa Senhora do Socorro (-32), Neópolis (-29) e Japoatã (-25).

🇧🇷 Cenário Nacional

O Brasil fechou o mês com saldo de 159.454 postos gerados. Das 27 unidades da federação, apenas Amapá (-0,65%) registrou resultado negativo. Os maiores acréscimos, em relação ao mês de setembro, foram observados em Alagoas (1,11%), Roraima (0,75%), Amazonas e Acre (0,72%, ambas) e Pernambuco (0,60%). Sergipe pontuou a 16ª maior variação positiva do Brasil e 7ª do Nordeste.

Publicação completa: Radar do Emprego – Outubro/2022

Pular para o conteúdo