16 de dezembro de 2020

PIB municipal – Sergipe 2018


📍 Em 2018, os municípios que mais ganharam participação na economia estadual foram Divina Pastora, Japaratuba, Canindé de São Francisco e Barra dos Coqueiros. Por outro lado, Nossa Senhora Aparecida, Pinhão e Carira foram os que mais perderam espaço na composição do PIB sergipano. É o que mostra os dados divulgados nesta quarta-feira, 16, sobre o Produto Interno Bruto Municipal (PIB) para o ano de 2018, pela Secretaria de Estado Geral de Governo (SEGG), por meio do Observatório de Sergipe.

🤝 O estudo sobre os números da economia é fruto de uma parceria entre o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e os órgãos de estatística de todas as Unidades da Federação.

🎯 O município de Aracaju, capital do estado, concentra 41,1% do PIB sergipano

💢 Os dez municípios com maiores participações no PIB de Sergipe somaram R$ 30,17 bilhões, correspondentes a 71,8% do que foi gerado pelo estado em 2018.

🥇O município de Aracaju, capital do estado, segue na primeira colocação, respondendo por 41,1%, 0,9 p.p. maior do que no ano anterior. Na sua estrutura de produção, preponderam os setores de serviços (85,8% do PIB do município no ano) e indústria (14,2%), sendo o município de maior expressão nos dois setores.

👨🏽‍🔧👩🏻‍💻👩‍🏫🏭 🚧🧱 Aracaju possui evidência em todas as atividades industriais e de serviços, sendo o de maior valor adicionado bruto da indústria de transformação, da construção civil e de todas as atividades do setor de serviços.

🔢 Os demais municípios que completam o ranking dos 10 maiores PIBs de Sergipe são, em ordem: Nossa senhora do Socorro, Canindé de São Francisco, Itabaiana, Estância, Lagarto, Itaporanga D’Ajuda, São Cristóvão, Laranjeiras e Nossa Senhora da Glória.

💡 O município de Canindé de São Francisco obteve o maior ganho de participação (+1,1 p.p.), em razão do aumento de preços da eletricidade, principal atividade do município.

🟩 PIB per capita

🔝 Os municípios com os maiores PIB per capita do estado, em 2018, foram Canindé de São Francisco, Rosário do Catete, Divina Pastora, Laranjeiras e Aracaju, nessa ordem.

Publicação completa: PIB municipal 2018

Pular para o conteúdo