28 de dezembro de 2021

Caged: Comércio impulsiona saldo de emprego em novembro


_Fonte: Observatório de Sergipe |Superplan | Secretaria Geral de Governo| Governo de Sergipe_

Dados do Caged, do Ministério da Economia, revelam que Sergipe encerrou o mês de novembro com a abertura de 1.880 empregos com carteira assinada. No acumulado do ano (com ajuste), foram criadas 14.539 vagas. Já os últimos 12 meses (com ajuste) acumulam 15.024 postos gerados. O estoque de empregos no mês ficou em 282.752 postos. As informações foram analisadas e divulgadas pelo Observatório de Sergipe/ Superplan.

🏭 🎋 Comércio impulsiona saldo de emprego com 1.179 vagas

Dos cinco setores observados, quatro criaram vagas. O setor de comércio liderou com 1.179 vagas. Na sequência, vem construção (348), serviços (345) e indústria (86). A agropecuária obteve saldo negativo (-78) .

No comércio, o saldo positivo foi impulsionado, sobretudo, pelo ‘comércio varejista’ (+988). Na construção, o destaque foi ‘construção de edifícios’ (+155). No setor serviços foi ‘serviços para edifícios e atividades paisagísticas’ (+120) e ‘alimentação’ (+118), na indústria, ‘fabricação de produtos cerâmicos’ (+93). O resultado negativo da agropecuária foi pressionado, principalmente pelo ‘cultivo da cana-de açúcar’ (-87).

👍 Municípios que mais geraram emprego no mês: Aracaju (1.292), Nossa Senhora de Socorro (158) e Itabaiana (107).

👎 Municípios que mais perderam emprego: Laranjeiras (-52), Capela (-51) e Nossa Senhora das Dores (-45).

Cenário Nacional

O Brasil fechou o mês com saldo de 324.112 postos gerados. Todas as 27 unidades da federação registraram resultado positivo. Os maiores acréscimos foram observados no Amapá (1,39%), Rio de Janeiro (1,10%),  Espirito Santo (1,10%), Acre (1,09%) e  Amazonas (1,08%).

Publicação completa: Radar do Emprego – Novembro 2021

Pular para o conteúdo